Informe-se
Notícias por atleta:
Patric
Lateral Direito
Idade
28
Peso
72kg
Altura
1,73m
Clube atual
Vitória-BA
Publicado em 03.05.2016 às 00h00
Faz-tudo do Atlético-MG volta preparado para decisão na Copa Libertadores

Originalmente lateral direito, Patric já fez um pouco de tudo no Atlético-MG. Sob a batuta de Levir Culpi, o jogador já era escalado na linha de frente, e não mudou com a chegada de Diego Aguirre. Aliás, desde que o treinador desembarcou na Cidade do Galo, em dezembro do ano passado, ele atuou mais vezes improvisado do que em sua função.

Nesta quarta-feira (4), diante do Racing, da Argentina, ele pode reaparecer entre os titulares do técnico uruguaio e ter novamente a sua habilidade de atuar em outras funções levada à prova. Júnior Urso e Douglas Santos estão clinicamente aptos para jogar os 90 minutos. A decisão, porém, será tomada em conjunto com a comissão técnica e a dupla.

Caso o meio-campista e o lateral esquerdo sintam que não têm condições de enfrentar os hermanos pelas oitavas de final da Copa Libertadores da América, Patric surge como uma opção para a comissão técnica – seja para compor o lado esquerdo do sistema defensivo ou integrar o setor de criação.

Questionado sobre a possibilidade de improvisação no jogo decisivo do torneio continental, o lateral direito foi cauteloso:

"É descansar, curtir a família e não pensar muito no futuro. Vamos deixar acontecer naturalmente, como aconteceu hoje (domingo). Não achei que fosse sair jogando. O professor disse que contava comigo por 45 minutos, não fiz planos. Então é melhor deixar a vida seguir", afirmou.

O dono da camisa 29 esteve entre os titulares na partida de ida da decisão do Campeonato Mineiro, nesse domingo (1), no estádio Independência. Mas só atuou por 45 minutos, já que se recuperou recentemente de uma artroscopia no joelho esquerdo.

"Fiquei bastante tempo fora, uns 40 dias mais ou menos. Vim fazer esse primeiro jogo (da final do Mineiro), essa reestreia. Joguei só o primeiro tempo, mas já estava previsto. Fiquei muito tempo fora e sabia que seria muito difícil", relatou ao término do confronto.

Mesmo com a ausência de 45 dias, o jogador segue como vice-artilheiro do Atlético-MG na Libertadores. Patric balançou as redes adversárias em duas oportunidades, uma a menos que Lucas Pratto, goleador do time na competição internacional.


2014 - Energy Sports  © Todos os direitos reservados